REPÚBLICA  BOLIVARIANA DE VENEZUELA


Língua Oficial: Espanhol.

Moeda: bolivares

Código Telefônico: 58

Hora Local: Uma hora menos que no Brasil.

Vistos Consulares:  Brasileiros estão isentos de visto à turismo para permanência de até 90 dias.

Embaixada do Brasil em Caracas

Calle Los Chaguaramos esquina con Avenida Mohedano
Centro Gerencial Mohedano - Piso 6
La Castellana - 1060
Apartado Postal Carmelitas 3977
Caracas - Venezuela
tel. (0058212) 261-7553/5505
fax (0058212) 261-9601
 
É  um país federal sul-americano, limitado ao norte pelo Mar das Caraíbas, a leste pelo Oceano Atlântico e pela Guiana, ao sul pelo Brasil e ao oeste pela Colômbia. Além da porção continental, o país inclui também um número elevado de ilhas nas Pequenas Antilhas que constituem duas divisões administrativas diferentes: o estado de Nova Esparta e as Dependências Federais. Tem fronteira marítima com os territórios autónomos neerlandeses de Aruba, e das Antilhas Holandesas, e ainda com Trinidad e Tobago. É membro do Pacto Andino e, em 9 de dezembro de 2005, protocolou seu pedido de adesão ao Mercosul.

Caracas
É a capital e a maior cidade da Venezuela. É também o centro econômico e cultural do país. Localiza-se no norte do país, próximo ao Mar das Caraíbas e é servida pelo porto de La Guairá
Clima: quente e úmido. A temperatura média no mês de janeiro é de 22oC a 27oC.
Caracas é o centro das atividades econômicas, administrativas, financeiras, assistenciais e educativas do país. Também é sede do poder executivo, legislativo, judiciário e eleitoral. Na cidade há algumas das principais empresas de alimentos, móveis e calçados do país e um núcleo financeiro que inclui o Banco Central da Venezuela. Caracas também é o centro das atividades de comunicações e telecomunicações do país e possui grandes instituições de educação, como a Universidade Central da Venezuela, a Universidade Católica Andrés Bello, a Universidade Simon Bolívar e a Universidade de Arte Nacional. Também estão localizados o Museu de Belas Artes, o Ateneo de Caracas, o Museu de Arte Contemporânea Sofía Ímber e o Teatro Teresa Carreño. Clique aqui e conheça os locais onde será realizado o FSM 2006.

Lugares de destaque 
Casa Natal De Bolívar e Museo Boliviano: Guardam a cama onde nasceu o Libertador, sua pia batismal, cartas e relíquias de sua vida.
Museu de Belas Artes: Fundado em 1917 tem uma coleção de esculturas européias, uma sala dedicada ao cubismo e uma mostra de cerâmicas da China.
Panteón Nacional: Guarda mais de 160 tumbas de personagens relevantes da história da Venezuela, incluindo os restos mortais de Bolívar. A nave central se destaca por seu esplêndido sarcófago em bronze.
Parque Nacional, El Ávila: Como guardiã da cidade, a montanha do parque se lançasobre o vale Caraquenho. Dá para alcançar o morro de 2 700 metros de altitude como o teleférico Ávila Mágica
Praça Bolívar: No eixo central da praça está a estátua eqüestre em bronze de Bolívar, do século 19.  A Catedral construída entre 1665 e 1713, é sede da capela da família Bolívar. O Palácio Municipal, do século 17, abriga o Museo Criollo cuja coleção de pinturas e gravuras mostra a história no último século. 

Parque Nacional Canaima - Salto Angel
Com uma aproximadamente de 30 mil quilômetros quadrados, o Parque Nacional Canaima é o maior da América Latina e um dos seis maiores do mundo. Sua paisagem é dominada pelos tepuys, montanhas de paredes verticais e cumes praticamente planos entalhadas pela erosão de mais de 2 bilhões de anos. Os mais conhecidos são Monte Roraima e o Auyantepuy, de onde desprende a outra estrela do Canaima: o Salto Angel.

                                                                                      

venezuela
venezuela salto-angel


A maior cascata do mundo, com 979 metros de altura, é chamada pelos indígenas de Kerekupai-merú, que na língua pemón significa “salto do lugar mais profundo”. Completam esse cenário selvagem inúmeras quedas de agua e a endêmica vegetação tepuyana, curiosa pelas plantas carnívoras, que se alimentam de insetos, e onde habitam animais como jaguar e gaviões.

Ilha de Margarita 
Situada no mar do Caribe, à nordeste de Caracas, é possível chegar à ilha em um vôo de 35 minutos a partir de Caracas  ou em um par de horas pelo ferry-boat que sai de Porto La Cruz ou Cumaná. Margarita é conhecida pela qualidade de suas praias. Sendo uma ilha, está rodeada de praias e tem para todos os gostos: praias com ou sem ondas, grandes ou pequenas, com muita gente ou com pouca gente, profundas ou mais rasas, mais ou menos quentes, com vento ou sem vento. Você escolhe a que quiser porque há uma praia para cada gosto. Uma das melhores atrações de Margarita é a visita ao parque nacional Laguna de La Restinga. Toma-se uma pequena lancha que vai entre "manglares" e chega-se a uma praia imensa de vários quilômetros.  

Lugares de destaque 
Castelo de San Carlos De Borromeo: A construção iniciou-se em 1684 e demorou mais de 20 anos para ser concluída. Destruído pelos holandeses durante a guerra com a Espanha, foi reerguido em 1684. Hoje acolhe um museu com armaduras, armas e outros utensílios.
Museu  Marinho de Margarita: Abriga viveiros com produção de camarões, tartarugas e vários peixes e uma coleção de esqueletos marinhos, conchas e corais.
Parque Nacional Laguna De La Restinga: Abriga mais de mil espécies animais e vegetais e dezenas de canais. Neles se fazem passeios de barco. A praia tem restaurantes ao ar livre, com pratos à base de caranguejos, ostras e peixes.
Praia El Agua: Uma das praias mais concorridas, com palmeiras, pequenas ondas, areia branca, pequenos restaurantes e infraestrutura para esportes náuticos.
Porto de Pampatar: Fundado em 1530, mantém seu caráter pitoresco, além de destacada frota de barcos de pesca.

Los Roques
O arquipélago reúne todos os predicados que traduzem o Caribe no imaginário comum. Tem mar calmo,azul e verde, areia branquinhas, palmeiras e árvores frondosas. É uma temperatura oscila entre 29°C e 34°C. Localizado a 166 quilômetros de Caracas, além de 42 ilhotas, tem 250 bancos de areia, recifes, piscinas naturais, peixes multicoloridos e corais. Por isso, é considerado um paraíso para mergulhadores – tantos experientes quanto iniciantes, que podem praticar snorkeling. A única ilha povoada  é El Gran Roque, onde fica o aeroporto. Menos de 1 600 pessoas vivem por lá. Foi transformado em parque nacional em 1972.

Lugares de destaque
Barrera De Cote: Um dos melhores pontos para mergulhar e ver a barrera de corais de Los Roques. Tem a água tão transparente mesmo da superfície é possível observar peixes, anêmonas, corais...
Cayo De Agua: Selvagem, é um dos mais lindos cayos de Los Roques. É possível passar por uma ilha ao lado por um banco de areia.
Cayo Muerto: Sinônimo de ilha deserta perfeita: um pedacinho de praia de areia branca no meu do mar de um azul incrível.
Casquí: Com uma linda paisagem, é uma das melhores para mergulhar de snorkel. Perto da ilhota, há lagoas de corais com muita vida marinha. A 25 minutos de lancha.
Francísqui: É a preferida dos turistas que vêm da Isla Margarita de catamarã de bate-e-volta. Tem restaurantes simples.
Mergulhos: É um dos paraísos para o esporte.
Um dos pontos mais conhecidos é La Guaza, com mergulho entre corais, cardumes e até tartarugas marinhas.



Termos de Uso do Portal
Este portal é de propriedade da Fui Viagens e Turismo, a qual se exime de qualquer ônus decorrente do mal uso das informações aqui disponíveis. Todo conteúdo - texto, imagens, vídeos, links -  deste portal é de propriedade intelectual privada. Sua divulgação - mesmo que parcial - não está autorizada.

Fui Viagens - Nossa Sra. de Copacabana 1183 Cobertura 2 - CEP 22070-011- Rio de Janeiro - Tel: +55 21 2227 3164 - 2113 9050 - info@fuiviagens.com.br
Horários de funcionamento: De Segunda à Sexta: 09:00 - 18:00 - Sábado e Domingo: Fechado
© 2019 FUI VIAGENS BRASIL - Todos os direitos reservados