INFORME FUI

 

 

RIO NILO

 

O Rio Nilo é um grande e importante rio localizado no longínquo continente africano.

É com essa informação que crescemos e alimentamos nossas fantasias sobre esse que é o segundo maior rio do planeta.

Isso já justificaria a expectativa quando se começa um cruzeiro por ele!

Na chegada ao Cairo você pode ver o Nilo cortando a cidade, formando uma “avenida fluvial” com muitos barcos e uma atividade grande à sua margem.

Mas você terá que aguardar para o começo de sua navegação, pois os navios saem da cidade de Luxor que está há 721km do Cairo, portanto, há uma viagem de avião de distância até lá.

Chegando, depois das formalidades de praxe, vi que as embarcações eram quase todas baixas, com cerca de 3 ou 4 andares, e os camarotes fugiam da configuração dos navios que eu conhecia, parecendo mais quartos de um hotel do que propriamente uma cabine. O barco era muito estável e silencioso. Pode-se descobrir, como aconteceu comigo, que a janela de sua instalação seja imensa por onde deslizarão por alguns dias, lindas e surpreendentes paisagens.

As águas tranquilas tornam a viagem muito agradável. Garanto que não vi nenhum crocodilo! Talvez gostasse de vê-los...

E lá se vai a embarcação deslizando por esse fantástico rio, que hora é larguíssimo e outras vezes tão estreito, que quase podemos nos sentir parte do cotidiano da vida da população ribeirinha.

Grande parte dos barcos tem em sua parte superior, uma área aberta, de lazer, com espreguiçadeiras, uma pequena piscina, churrasqueiras e como aconteceu no nosso, o almoço servido ali mesmo algumas vezes.

É de lá, do topo, que se tem a melhor experiência. Pode-se “acompanhar” a paisagem de ambos os lados, desfrutar do ar livre (cuidadíssimo com o sol), e acenar com mais entusiasmo para os habitantes locais que se acercam ao barco em pequenas embarcações ou mesmo a nado. As temperaturas são sempre muito elevadas. O clima é desértico na maior parte do país, ou seja, seco e quente. Exceto as noites, que são frescas até mesmo frias.

A alta proteção de filtros solares é mais que recomendável, assim como roupas que protejam do sol.

Nos trechos mais estreitos a população segue sua vida diária junto aos seus animais, em suas tarefas agrícolas na área verde junto à margem. Logo adiante a essa faixa fértil, o deserto faz fronteira com o horizonte. Aliás, o pôr do sol é um espetáculo à parte, que não deve ser perdido. O pôr do sol além de ser um alívio ao calor, permite que você se exponha a uma paisagem maravilhosa. O recorte da vegetação já sombrio, com uma paleta de cores quentes, amarelos, vermelhos, dourados... um belo jogo de sombra e luz.

É emocionante ver aquele povo que em vez de mostrar indiferença pelo costume da passagem dos barcos, já que a quantidade deles é grande e a frequência com que passam também, ao contrário, saúdam aos viajantes, tentam aproximar-se, e nos olham com tanta curiosidade como nós a eles!

Particularmente fiquei comovida um dia, quando um pequenino barco se aproximou, e lá estava um homem que levantava uma criança, como para nos mostrar com orgulho, e nos saudava com alegria e espontaneidade.

Luxor será de onde seu cruzeiro partirá. Em Luxor você vai se sentir totalmente imerso no Egito monumental.  



 

 


viagem-egito
viagem-egito pacote-egito excursao-egito excursao-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito excursao-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito passeio-egito passeio-egito passeio-egito passeio-egito passeio-egito passeio-egito passeio-egito passeio-egito passeio-egito excursao-egito excursao-egito excursao-egito excursao-egito excursao-egito excursao-egito excursao-egito excursao-egito excursao-egito rio-nilo rio-nilo rio-nilo rio-nilo rio-nilo rio-nilo rio-nilo rio-nilo rio-nilo pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito pacote-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito viagem-egito excursao-egito

Fotos: Angela Güzey

  

      

Ali, todas as referências são de alta importância e valor histórico. Uma beleza única e uma riqueza de patrimônio para toda a humanidade.

O Templo de Karnak por exemplo, é de uma imponência que não há como não ser tomado como algo assombroso. O adjetivo espetacular parecerá pouco para descreve-lo! Colunas imensas de mais de 20 metros de altura, fileiras de esfinges, toda a simbologia egípcia à sua frente... e o Templo de Luxor, em cuja entrada está o obelisco que faz par com aquele de Paris na Place de La Concorde. Embora menor do que Karnak, esse templo tem um estado de conservação excepcional pois ficou encoberto de areia até 1885 quando começaram as escavações. Muito interessante de ver uma mesquita que foi erguida na camada superior ao templo.

E do outro lado do Rio Nilo, exatamente do lado oposto aos templos, fica o Vale dos Reis. Ali estão as tumbas dos faraós. Algumas são visitáveis outras não. É bom lembrar que as múmias e seus pertences estão no museu do Cairo. Mais adiante, o impressionante Templo de Hatshepsut, a que foi a única mulher a ser faraó. Conforme vai-se aproximando do templo, você percebe sua grandiosidade e beleza. Um lugar que me pareceu ter surgido das entranhas da montanha que o cerca. Surpreendente ver aquela construção em níveis diferentes formando grandes terraços horizontais... quase uma aparição!

Os cruzeiros seguem o rio em direção a Esna, Edfu e Kom Ombo. Em cada um desses lugares, lhes esperam experiências diferentes: belos templos, deslocamentos em charretes, bares de narguilé, o infindável e para mim cansativo, regatear para aquisição de qualquer coisa... 

Em Aswan, última cidade do cruzeiro, o passeio mais bonito é para o Templo de Philae. Chega-se lá em poucos minutos em pequenos barcos, já que o templo dedicado a deusa Ísis está em uma ilha.

Imagine que tudo aquilo que se vê hoje, foi transferido em um certo momento, pois a barragem de Aswan ameaçava o templo e outros monumentos também.

Esse tipo de cruzeiro acaba em Aswan, e fica por conta da viagem que você adquiriu, seguir mais ao sul do Egito, ou retornar de avião para o Cairo.

Desfrute do barco, mas de olhos bem abertos e atentos para o encanto que é esse passeio, e lembrar que esse rio teve uma influência enorme para toda uma civilização há 5 mil anos atrás!


Nessas horas reafirmo que viajar é uma parte importante da vida. Na minha, importantíssima!

ANGELA  GÜZEY - é psicóloga por vocação, e viajante e fotógrafa por paixão -

 

Links Relacionados
Termos de Uso do Portal
Este portal é de propriedade da Fui Viagens e Turismo, a qual se exime de qualquer ônus decorrente do mal uso das informações aqui disponíveis. Todo conteúdo - texto, imagens, vídeos, links -  deste portal é de propriedade intelectual privada. Sua divulgação - mesmo que parcial - não está autorizada.

Fui Viagens - Nossa Sra. de Copacabana 1183 Cobertura 2 - CEP 22070-011- Rio de Janeiro - Tel: +55 21 2227 3164 - 2113 9050 - info@fuiviagens.com.br
Horários de funcionamento: De Segunda à Sexta: 09:00 - 18:00 - Sábado e Domingo: Fechado
© 2018 FUI VIAGENS BRASIL - Todos os direitos reservados